iStock

Não há como escapar, não se pode mais projetar sites apenas para computadores desktop. Os usuários estão cada vez mais acessando a internet em celulares e tablets, dê uma olhada nas estatísticas:

E não reagir a isso pode impactar seus resultados. Na verdade, 57% dos usuários de dispositivos móveis abandonarão seu site se tiverem de esperar 3 segundos para uma página carregar de acordo com uma pesquisa da Strangeloop Networks.

Dicas para usar conteúdo visual em telas de dispositivos móveis

A maneira de usar imagens é parte fundamental de um bom design móvel. E pode ajudar a melhorar o caminho para aumentar o envolvimento com seu site móvel.

A seguir, 5 dicas para usar imagens em telas de dispositivos móveis e obter mais envolvimento e impacto visual:

1.   Escolha imagens que fiquem adequadas ao dispositivo que seus clientes estejam usando

As pessoas reagem de modo diferente a imagens em sites móveis se comparados a outros meios. O fato de que elas estão tocando e deslizando o dedo sobre a tela torna a experiência mais real, mais sensorial. E as imagens precisam estar de acordo, com cortes em close e qualidade HD. Natureza, retratos e designs cromáticos e abstratos funcionam especialmente bem para criar imagens mais sensoriais nas telas menores.

Além disso, as imagens precisam agregar valor e refletir como você quer que o público se sinta em relação à sua marca ou ao seu site.

2.   Deixe as imagens fazerem o trabalho quando for possível

Como os celulares e tablets têm telas pequenas, pode ser desconfortável ler grandes quantidades de texto. Se você conseguir usar uma imagem para contar a sua história e substituir textos longos, seus usuários vão agradecer. Uma imagem fala mais alto do que palavras.

3.   Faça o design para a maior resolução

Suas imagens ficarão melhores reduzidas do que estouradas. Ao focar na maior resolução de tela que seu público poderá usar, você garantirá que não precise substituir imagens de qualidade inferior mais tarde, quando a resolução das telas melhorar (e isso vai acontecer). Seus usuários também poderão vê-las em tela cheia nos celulares e tablets.

4.   Mas não use arquivos pesados

Sempre otimize as imagens para dispositivos móveis e internet, especialmente se estiver usando imagens de alta qualidade. Programas como o Adobe Photoshop oferecem a opção de “salvar para dispositivos & web”. Assim, você vai garantir que imagens grandes tenham o menor tamanho de arquivo possível, mantendo a qualidade.

5.   Não se esqueça do vídeo

Com 1,3 bilhão de pessoas assistindo a uma média de 180 vídeos por mês, os vídeos são uma excelente maneira de mostrar sua marca e envolver seu público-alvo. Páginas com vídeo têm mais probabilidade de aparecer na primeira página do Google e também podem aumentar as conversões em até 80%.

Principais lições:

  • Escolha imagens com impacto em telas de celulares: com cortes em close e qualidade HD
  • Deixe as imagens fazerem o trabalho de contar a história da sua marca
  • Faça o design para a maior resolução de tela que seu público possa usar, mas certifique-se de que o tamanho do arquivo não deixe a experiência do usuário lenta
  • Combinar imagens com vídeo pode melhorar o envolvimento do público

Assista ao diretor de arte sênior Guy Merrill, na Semana da Propaganda da Europa 2015, e descubra como selecionar as imagens certas para causar impacto nas telas de celulares: